Top Ad unit 728 × 90

Crônicas

Crônicas
teste

Web Book - Eu...Vc - Capítulo 1










Minha avó diria que o amor mora ali ao lado, na casa do compadre Manuel. Homem distinto, honesto e trabalhador. Uma família impoluta, com valores profundos, respeitadora e temente a Deus e que a união de seus netos traria grande felicidade para todos.

Minha mãe diria que o amor se esconde na jovem sentada na primeira fila da sua sala de aula, aquela com os cabelos sempre arrumados, uniforme impecavelmente limpo que carrega seus cadernos sempre organizados e exala um perfume doce quando passa por você nos corredores da sua faculdade. 

Mas nos dias atuais tanto faz se o amor estiver na porta ao lado, escondido atrás de um sorriso seguido de um bom dia com cheiro de café da manhã ao encontrar sua vizinha no corredor do seu edifício ou a dois mil quilômetros de onde você mora. Hoje está tudo a um clique de distância.  Nossas metades das laranjas estão digitalizadas e enquadras em pequenas fotos carregadas com seu sorriso mais simpático em seu melhor ângulo. O amor viaja hoje na simplicidade de um bit, atravessa cidades, escala montanhas, navega por rios, mares e oceanos, chega a outros continentes e universaliza a procura pelo sorriso que encanta, pelo olhar que seduz.

Mais do que nunca o amor esta no ar. Sonhos, desejos e esperanças transformados em apresentações, perfis, descrições, mensagens e imagens são decodificados e enviados a trafegar em estradas digitais aterrissando em sites de relacionamentos, páginas pessoais, mensagens instantâneas, e-mails, redes sociais e celulares em frações de segundo. 

Atrás das telas de monitores e celulares, nós os usuários sempre protegidos pelo aconchego e intimidade das quatro paredes, buscamos nas madrugadas frias e solitárias aquela metade que nos falta, tentando decifrar nas entrelinhas os desejos, virtudes e defeitos de outros corações que talvez estejam à procura de uma noite de sexo, ou um romance casual ou da sua metade ideal; a procura do seu par perfeito.

Mas indiferente a tudo isso; indiferente ao tempo e a distância; o senhor universo, regente de nossos destinos que em seus caprichos e sutilezas transforma o acaso de nossas vidas em momentos únicos. Distorcendo fatos, alternando caminhos, provocando atrasos, manipulando eventos, promovendo encontros. Ele ignora regras, fórmulas, passa por cima de conceitos, manuais e ideais. Fecha a porta dos olhos e abre a do coração, ilumina o caminho, transforma o que antes era sonho em realidade não importa se estejamos preparados ou não.

Na fração de um momento da vida, deixamos de ser apenas peças soltas de um quebra-cabeças. Agora somos duas peças que se encaixam, que se completam e de forma inevitável somos obrigados a procurar por outras peças, seguindo nossos instintos, nossas percepções, usando nossa imaginação, contando com a sorte, mas indiferente a todas as experiências adquiridas no passado, são as nossas escolhas de hoje que com o tempo formarão a imagem do que representará esse novo desafio chamado amor, não importando o quão distante ele esteja.

Essa é a história de Fernanda e Beto, unidos por um clique de distância.


Próximo Capítulo " Fernanda " - AGUARDEM!



Leia o Web Book desde o começo
Web Book - Eu...Vc - Capítulo 1 Reviewed by Ricardo Leão on 9:03 PM Rating: 5

Nenhum comentário:

All Rights Reserved by Blog do Buraco © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.