Top Ad unit 728 × 90

Crônicas

Crônicas
teste

Coração Insolente

Por que não?
O que tem de mal em acreditar em você?
Seu olhar doce expurgava minhas quimeras,
Ilusões de um amor amparado pelo seu conforto.
Insolente esse coração que abraça minhas carências,
Que sempre parece fazer as escolhas erradas,
Me levando por tempestades turbulentas,
Embaçadas por dias nublados e destinos incertos.

Não me condene por tentar ser feliz!
Não me condene por acreditar em borboletas, em metamorfoses!
Sou dúbia! Sou amarga, sou doce!
Sou delírio, sou verdade, sou insana!
Sou criança, sou mulher, sou desejo!
Sou mais complexa do que minhas atitudes podem demonstrar.
Não me condene por experimentar você!
Não me condene por desejar ser amada!

Colei minha foto na sua identidade,
Pedi licença ao meu querer para viver você.
Preferi a solidão de uma vida a dois,
A falta de ar de um cotidiano insípido.
Me alimento das sombras dos seus descasos,
Entorpeço lembranças em taças vazias.
Respiro a liberdade na fresta de luz,
Deixadas nas noites em que vejo você partir.

Não me condene por existir sem você!
Não me condene pelos prazeres de faz de conta!
Sou incoerente, sou inconstante! Sou turra!
Sou perversa, sou inversa, sou diferente!
Sou parte de um todo, sou extremidade!
Sou cárcere, sou grade, sou tempestade!
Não me condene por não saber quem sou!
Não me condene por achar que mudar é ser feliz!

Por que não?
O que tem errado em acreditar em mim?
Meu olhar disperso fortalece seus caprichos,
Ilusões de um amor cultivado pelos meus devaneios.
Insolente esse coração que não aceita caminhos,
Que sempre desobedece a lógica da vida,
Me levando por dogmas imutáveis,
Embaçados pelos desígnios deste amor inconsequente.




Leias mais sobre Falando de Amor...


Coração Insolente Reviewed by Ricardo Leão on 5:03 PM Rating: 5

Um comentário:

  1. Boa noite.
    Desculpa o incomodo, mas venho hoje pedir que olhe com carinho meu blog de resenhas literárias, o O Leitor.
    Se puder fazer parte, agradecemos.

    Obrigada e uma ótima quinta-feira. Beijos,

    Pamela.

    ResponderExcluir

All Rights Reserved by Blog do Buraco © 2014 - 2015
Powered By Blogger, Designed by Sweetheme

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.